Atualizações do Guia da Urca

0 Flares 0 Flares ×

Desde o lançamento da última edição do Guia de Escaladas da Urca, estamos recebendo emails com atualizações. São vias novas, trocas de grampos, correções e sugestões. As atualizações da edição atual do Guia da Urca estão disponíveis abaixo. Veja também fotos e filmes das vias da Urca nas nossas galerias.

Aproveitamos e lhe convidamos a fazer comentários sobre qualquer uma das vias do livro ou nos informar sobre novas vias. Você pode dar dicas, sugerir a graduação, comentar sobre a situação dos grampos, sobre a descida, nos informar sobre algum dado impreciso ou incorreto, enfim, o que você achar relevante para melhorarmos os croquis. Entre em contato conosco e dê sua opinião. Ela será útil para as próximas edições.

— Últimas atualizações em vermelho, dia 03 de setembro de 2016 — 

Pão de Açúcar – Face Oeste

1) Sugestão de equipo móvel para a via Ilegal Legal: Flavio Daflon e Victor Barria repetiram a via Ilegal legal e sugeriram a utilização do seguinte equipo móvel: camalots .3, .4, 2x .5, .75, 1, 2x 2, 3 e mais dois micro-friends. Segundo eles os camalots 4 e 5 não são necessários, podem ser substituídos por peças menores. Segundo eles ainda, ela pode ser facilmente escalada em uma única enfiada. Veja o croqui feito por Arthur Esteves e Felipe Frai e algumas fotos.

2) Croqui da via Cepi escalada em livre.

3) Cavalo Louco e travessia Italianos-Secundo: foi duplicada com um grampo galvanizado a quarta e última parada da via Cavalo Louco. Esta mesma parada é utilizada por quem faz a travessia da Italianos para a Secundo. Veja o croqui nas páginas 108 e 109 da quinta edição do Guia da Urca. Agora esta parada conta com o antigo grampo de inox e com o grampo novo. (13.03.2013)

4) A via Cepi está passando por reformas que ainda não terminaram. Está sendo trocado todo o cabo de aço, os grampos de fixação dos cabos, e todos os grampos antigos. Estão sendo usados olhais industriais de 16mm e chapeletas Bonier inox para as proteções. Informaremos aqui assim que for finalizada a reforma. (29.07.2016)

Pão de Açúcar – Face Sul

1) Tetos: croquis das vias Ela Disse Adeus e o Pino do Contra Pino.

2) Tetos: croqui da via Arranca-Toco.

3) Croquis da Falésia da Árvore: vias Show de Calouros e Os Inocentes.

4) Totem: Croqui da Urubu à Vista.

5) Tetos: Flavio Leone fez a troca da parada dupla ao final da via Harmonia Sativa.Veja na foto como estava um dos grampos e como ficou a nova parada dupla. (17.09.2012)

6) Manutenção de grampos nas vias Coringa e Ás de Espadas. (02.03.2013)

7) Lagartão: retirado o grampo corroído que se encontrava abaixo da quarta parada da Lagartão, croqui na página 136. Não há alterações na via já que este grampo estava fora da via e não era utilizado. Na última enfiada da via há um grampo duplicado que pode substituir a parada no platô sugerida no croqui. Útil para aqueles que preferirem dividir em duas esta enfiada. Ainda nesta última enfiada, o lance para dominar o platô, que normalmente era feito pela direita como indica o croqui, está com bastante limo. Portanto agora está sendo feito pela esquerda do platô, sem passar por ele, indo direto até a nova parada dupla. O lance é mais longo, porém limpo.  (17.05.2014, atualizado 21.08.2016)

8) Limiar da Loucura: a segunda parada desta via, croqui na página 130, foi duplicada.  (05.08.2014)

9) Na via Ricardo Menescal foi trocado o primeiro grampo antes da p1 e foi duplicada a p2. (03.09.2016)

Pão de Açúcar – Face Leste

1) Manutenção de grampos nas vias Bohemia Gelada e Chaminé Pão de Açúcar. (02.03.2013)

Pão de Açúcar – Face Norte

1) Aos conquistadores da via Contra Pino, na página 213 do Guia da Urca, deve-se acrescentar o nome de Sergio Tartari. (29.05.2013)

Morro da Urca

1) Manutenção de grampos nas vias Preto, Vermelho e Três Patetas. (02.03.2013)

2) Manutenção de grampos nas vias Augusto Ruschi, Capitão Virgulino e Yuri Gagarin. (02.03.2013)

3) Em abril, foi aberta inteiramente em móvel uma variante da via Preto, nos Coloridos. Isto só foi possível após a forte chuva no início de 2016 e a queda de uma parte da vegetação da parede, que deixou exposta uma fenda. Foi conquistada por Flavio Leone e Marcio Gonçalves e se chama Variante Rubro Negro. Começa na P1 da Preto e termina na P2. Foi graduada inicialmente em terceiro grau e tem aproximadamente 25 metros. Equipo utilizado na conquista: Camalots: 2x .4, 2x .5, 2x .75 e 1. Tem um lance um pouco exposto ao atravessar em horizontal de volta ao Preto. (21.08.2016)

4) A grande laca que havia se descolado e oferecia risco na face norte do Morro da Urca, caiu sozinha agora em julho (2016). Ainda há alguns pedaços menores para descer e portanto ainda não está seguro para se escalar no local. Já foi feita uma primeira vistoria pela Femerj e assim que estiver em condições divulgaremos aqui. (21.08.2016)

Morro da Babilônia

1) Croqui e fotos das vias Cidade do Sol e Menos Um no Orfanato.

2) Croqui da via Saci-Pererê.

3) Manutenção de grampos na via Soleil. (02.03.2013)

4) Flavio Leone, conquistador da via Ainda Não no Babilônia intermediou vários lances desta sua via. Segundo ele, foram aproximadamente 6 grampos intermediários batidos e as paradas duplicadas. A via agora passaria de E2 para E1/E2. (29.07.2016)

Falésias e Boulders

1) Croquis: Ácido Lático, Entre Ácidos e Ácido Fórmico.

2) A via não identificada na Parede dos Ácidos, na página 189 do Guia da Urca, foi conquistada pelos tchecos Michal Kuna, P. Bvejhík e L. Cevmák, em 2004 e chama-se Acid Trip. Eles se hospedaram na casa do Arthur Estevez e deixaram uma anotação em seu guia. (29.05.2013) 

3) A via Urubito foi uma homenagem ao escaldor Bito Meyer, mas não é conquista do mesmo. A via foi aberta por Marcelo Braga, o Marcelinho.

4) Mutirão de manutenção de grampos na Pedra do Urubu. (13.03.2013)

5) Nos dias 27 e 28 de julho de 2016 os escaladores Gabriel Ribeiro e Julio Campanela realizaram a manutenção de duas vias na Pedra do Urubu. As vias Southern Comfort (Via do Alemão) e Urubu Sacana receberam novos grampos de titânio que foram doados pela FEMERJ, como parte do Fundo de Incentivo ao Manejo de Trilhas e Vias de Escalada. Leia a notícia e veja fotos aqui: www.femerj.org/2016/08/manutenao-na-pedra-do-urubu-e-repeticao-feminina-da-via-southern-comfort/  (21.08.2016)

6) Veja vídeos de alguns dos principais boulders da Urca.

Atenção:

Algumas vias da Urca possuem grampos de aço inox. Já é notório o caso de dois destes grampos que partiram estando ao lado do mar. Chapeletas de aço inox também se partiram a beira-mar em outras partes do mundo. Mesmo em vias afastadas do mar, a recomendação é que uma cordada nunca deve depender exclusivamente da segurança de apenas 1 (um) grampo inox, por exemplo no caso de rapel ou numa parada. Aliás, qualquer proteção fixa é duvidosa, deve-se pensar sempre num backup. Para sua segurança é vital o escalador saber identificar visualmente um grampo de aço inox. Há um artigo no site da Femerj sobre a substituição de grampos inox por titânio, veja aqui.

Algumas vias da Urca que possuem grampos de aço inox estão listadas a seguir: Secundo (inclusive no trecho após a Italianos), Chaminé Stop, Chaminé Gallotti, Lagartão, Salomith, Roda Viva, Diedro Pégaso, Diedro Phoenix, Hot Dog, entre outras. Vale enfatizar que esta lista não reúne todas as vias com grampos inox, há outras.

0 Flares Facebook 0 Twitter 0 Google+ 0 Email -- 0 Flares ×

    3 Comentários

  1. Fala, a via Ricardo Menescal foi reformada tambem, com troca do primeiro grampo antes da p1 e duplicação da p2. Um abraço.

  2. Adorei a idéia de quanto em quanto tempo será atualizado.

    • Oi Marcos, atualizamos sempre que recebemos alguma informação importante. Em uma próxima edição estas atualizações estarão no livro impresso.

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Navigation Menu